A banda da Associação Filarmónica Serpinense deu as boas vindas ao novo ano com um Concerto de Reis, dia 6, na Igreja Matriz de Serpins, após a Missa Vespertina.

O espetáculo encheu aquele lugar de culto, tanto de pessoas, como de alguma alegria, após meses em que se sentiram as consequências do incêndio de 15 de outubro, que afetou em especial a freguesia e a comunidade de Serpins.

“Foi muito bom começar o ano em festa, depois de um 2017 bastante triste devido aos incêndios”, frisou ao Trevim, a presidente da Associação Filarmónica de Serpins, Amélia Vicente, após a realização do concerto.

A noite estava fria mas, segundo a dirigente, a Igreja ofereceu o acolhimento necessário a todas as pessoas que ficaram, ou que entraram especificamente para ouvir a banda interpretar um repertório “renovado”.

Continua na edição impressa do Trevim n.º 1370