Eduardo Bolsa Neves continua com muitos motivos para sorrir. A sua participação na competição “Ballet Beyond Borders”, de 9 a 13 de janeiro, em Missoula (Estado do Montana, EUA) valeu-lhe duas medalhas de prata e um prémio de excelência atribuído por um dos elementos do júri, a ex-bailarina Merritt Moore, para quem o lousanense foi o seu bailarino preferido da competição.

Eduardo Bolsa Neves foi representar Portugal em conjunto com duas colegas do Conservatório Internacional Privado de Ballet e Dança Annarella Sanchez.

Uma das medalhas de prata foi atribuída ao bailarino pelo solo contemporâneo com a música “My Way” de Frank Sinatra e coreografia de Enrique Perez Cancio. A outra foi entregue pela sua participação no dueto de contemporâneo com a bailarina Eva Branco, também portuguesa e aluna da Academia Annarella e finalista do programa de talentos “Got Talent Portugal”.

Nesta competição participaram bailarinos profissionais e estudantes de dança de todo o mundo.