O Centro de Bem Estar Animal, composto por Centro de Recolha Oficial de Animais e um “Dog Park”, um parque canino com espaço de lazer, vai ter um custo superior a 70 mil euros.

O projeto foi o vencedor da edição de 2017 do Orçamento Participativo da Lousã, mas a verba que lhe está associada (70 mil euros), não é suficiente para a sua execução.

Luís Antunes, presidente da Câmara Municipal da Lousã, garantiu dia 27, durante a reunião da Assembleia Municipal, que, para criar um centro “devidamente acompanhado, verificado e validado pela Direção Geral de Veterinária, a implementação do projeto irá custar cerca de 140 mil euros”.

Leia a notícia completa na edição impressa do Trevim nº 1389