Em assembleia geral ordinária, realizada a 30 de novembro, os sócios da Associação de Defesa do Idoso e Crianças de Vilarinho aprovaram por unanimidade o orçamento e programa de ação para o ano de 2019, bem como os regulamentos internos, eleitoral e disciplinar da instituição.

Rogério Martins, presidente da Direção, salientou que a ADIC mantém em média cerca de 100 utentes diários, distribuídos pelas valências de Jardim de Infância, Centro de Dia, Serviço de Apoio Domiciliário e Cantinas Sociais.

Com oito viaturas ao serviço do projeto, a instituição serve diariamente a área geográfica de todo o concelho da Lousã. Em simultâneo, segundo o mesmo responsável, funciona o gabinete social para atendimentos variados, cujo serviço orienta e apoia socialmente indivíduos e famílias em situação de vulnerabilidade. Para fazer face a esta dinâmica da ADIC, o orçamento aprovado para 2019 apresenta de rendimentos previsionais 412.300 euros, prevendo-se uma despesa de 409.798,34 euros.

Novo Centro Social tem estrutura residencial para idosos (ERPI)

Paulo Costa, tesoureiro da instituição, informou que, para além do novo edifício dar resposta às valências existentes no âmbito do apoio social da ADIC, virá criar uma estrutura residencial para pessoas idosas com capacidade para 39 residentes, ao que vulgarmente se designa por “lar”.

Leia a notícia completa na edição impressa do Trevim n.º 1394