As regras para a limpeza de terrenos e ações de queima de resíduos florestais vão ser de novo explicadas, este ano, em várias sessões de esclarecimento pelo concelho. Após a reunião de ontem, em Casal de Ermio, a sede da Junta de Freguesia das Gândaras recebe amanhã, sexta-feira, dia 1 de março, às 19:00, uma nova reunião para esclarecimentos à população. A gestão de combustíveis nos espaços rurais e aglomerados populacionais, inseridos ou confinantes com espaços florestais, é o principal assunto em abordagem.

Um despacho do governo, publicado no Diário da República de 17 de janeiro, estabelece um “regime excecional” face ao previsto pelo Sistema Nacional da Defesa da Floresta Contra Incêndios, para aplicar durante este ano, que determina “prazos mais exigentes para execução das limpezas dos terrenos” por parte das entidades responsáveis por cada sector, nos espaços florestais previamente definidos nos planos municipais de Defesa da Floresta Contra Incêndios. O diploma conjunto do Secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural, Miguel Freitas, e do Secretário de Estado da Proteção Civil, José Neves, define também os prazos para a realização das ações de fiscalização que devem incidir sobre áreas prioritárias. Que, no caso do concelho da Lousã, como já noticiámos em anterior edição, são as freguesias de Lousã e Vilarinho, Gândaras, Foz de Arouce e Casal de Ermio.

Leia a notícia completa na edição impressa do Trevim n.º 1399