A Empresa Intermunicipal de Ambiente do Pinhal Interior Norte (APIN), que gere agora os serviços de abastecimento água, saneamento e recolha de resíduos, anunciou a 13 de março algumas reduções no tarifário, poucos dias depois de ter garantido que os aumentos eram “inevitáveis”. O comunicado, assinado pelos 10 presidentes das Câmaras, foi publicado no sítio eletrónico da empresa depois de no dia 11 Penacova ter decidido abandonar esta entidade, por decisão da Assembleia Municipal. Em sequência, o respetivo presidente da Câmara, Humberto Oliveira, do PS, renunciou ao cargo de presidente da administração da APIN.

Leia a notícia na edição impressa do TREVIM N.º1427