loader

Activar e Bombeiros da Lousã promovem formação de Suporte Básico de Vida

A 2º edição do workshop de Suporte Básico de Vida, organizado pela Activar – Associação de Cooperação da Lousã em parceria com o Corpo de Bombeiros Municipais da Lousã, reuniu mais de 50 pessoas, no pavilhão dos Bombeiros Municipais da Lousã.

O evento, cuja primeira edição decorreu em dezembro de 2017 com 40 participantes, foi aberto a maiores de 12 anos. Começou com uma introdução teórica, seguida da componente prática com simulação em manequim.

Ainda que as inscrições já estivessem terminadas, o número de pessoas presentes na iniciativa excedeu o esperado e tiveram de ser improvisados mais lugares sentados.

Terminada a apresentação do conteúdo teórico, os participantes foram divididos em seis estações, consoante a sua faixa etária, para aplicar na prática os conhecimentos adquiridos.

A iniciativa voltou a reunir a comunidade com o objetivo de sensibilizar várias empresas, escolas, autarquias e meios de comunicação social para a necessidade de treino de técnicas de Suporte Básico de Vida (SBV), como medida de saúde pública e de cidadania.

Primeiros socorros salvam vidas

Nas vítimas de paragem cardíaca, o cérebro só consegue sobreviver cerca de três minutos sem oxigénio e este primeiro socorro é, para Jorge Catorze, enfermeiro e formador no workshop, “tão importante como depois toda a parte que vem a seguir relativamente ao tratamento médico”. Nuno Girão, adjunto do comando dos Bombeiros Municipais da Lousã, reforça que “quanto mais precoce for o pedido de ajuda maiores serão as hipóteses de sobrevivência da vítima”.

Segundo Daniela Venâncio, da Activar, este tipo de eventos são indispensáveis tanto para quem nunca fez formação como para quem já a fez e pretende reciclar conhecimentos uma vez que “muitas vezes as pessoas até sabem a parte teórica mas depois, perante uma situação real de stress e até de insegurança têm dificuldade em reagir”. Uma situação de paragem cardiorrespiratória pode ocorrer a “qualquer altura da nossa vida, dentro de casa, na rua, no trânsito, e portanto é uma questão crítica conseguirmos ter maior percentagem da população capacitada para atuar”, explicou.

 

Tags:
Autor: Jornal Trevim

0 Comentários

Meteorologia

Artigos relacionados

Trevim: Leia também Associação de Ceira dos Vales sopra 36 velas com casa cheia Sociedade
17 Nov 2022 12:11 PM

A Associação Cultural e Recreativa de Ceira dos Vales comemorou o seu 36.º aniversário, no fim de semana de 12 e 13 de novembro, com um baile e castanhada que juntou dezenas de pessoas no salão de convívio local. Leia...

Ler artigo
Trevim: Leia também Associação Empresarial prepara quadra natalícia Concelho
17 Nov 2022 11:29 AM

A Associação Empresarial da Serra da Lousã (AESL) vai assinalar o Natal, com “uma recriação única, que pretende envolver todos os comerciantes, entidades e instituições”, segundo Carlos Alves, presidente da direção. Leia a notícia completa na edição n.º1496 do Trevim.

Ler artigo
Trevim: Leia também Dueceira lidera projeto para aproximar produtores e consumidores Concelho
17 Nov 2022 11:28 AM

Produtores, agricultores e associações marcaram presença no lançamento do projeto interterritorial “3C - Cooperar em Circuitos Curtos”, que pretende promover a proximidade entre produtores e consumidores. Leia a notícia completa na edição n.º1496 do Trevim.

Ler artigo
Trevim: Leia também Lousã recebeu encontro de ‘hackers’ Sociedade
17 Nov 2022 11:27 AM

Vinte e dois especialistas em informática e programação, vindos de países como os Estados Unidos da América, Canadá ou Austrália, estiveram reunidos na Lousã, entre 5 e 12 de novembro, para trabalhar no seu sistema operativo de eleição, o ‘OpenBSD’....

Ler artigo
Trevim: Leia também Obra do Cine-Teatro concluída até maio de 2023 Concelho
17 Nov 2022 11:26 AM

A requalificação do Cine-Teatro da Lousã deverá estar concluída até maio de 2023, de acordo com um pedido de reprogramação da obra, apresentado pela empresa Sócertima à Câmara da Lousã. Leia a notícia completa na edição n.º1496 do Trevim.

Ler artigo
Trevim: Leia também Produção de mel continua com dificuldades Concelho
17 Nov 2022 11:24 AM

Este ano, a produção de mel foi “ligeiramente melhor”, mas continua sem registar uma recuperação visível, segundo Ana Paula Sançana, diretora técnica da Cooperativa Lousãmel, que tem atualmente 550 associados. Entre os fatores que têm afetado à apicultura, destacam-se especialmente...

Ler artigo
Definições de Cookies

A TREVIM pode utilizar cookies para memorizar os seus dados de início de sessão, recolher estatísticas para otimizar a funcionalidade do site e para realizar ações de marketing com base nos seus interesses.

Estes cookies são essenciais para fornecer serviços disponíveis no nosso site e permitir que possa usar determinados recursos no nosso site.
Estes cookies são usados ​​para fornecer uma experiência mais personalizada no nosso site e para lembrar as escolhas que faz ao usar o nosso site.
Estes cookies são usados ​​para coletar informações para analisar o tráfego no nosso site e entender como é que os visitantes estão a usar o nosso site.

Cookies estritamente necessários Estes cookies são essenciais para fornecer serviços disponíveis no nosso site e permitir que possa usar determinados recursos no nosso site. Sem estes cookies, não podemos fornecer certos serviços no nosso site.

Cookies de funcionalidade Estes cookies são usados ​​para fornecer uma experiência mais personalizada no nosso site e para lembrar as escolhas que faz ao usar o nosso site. Por exemplo, podemos usar cookies de funcionalidade para se lembrar das suas preferências de idioma e/ ou os seus detalhes de login.

Cookies de medição e desempenho Estes cookies são usados ​​para coletar informações para analisar o tráfego no nosso site e entender como é que os visitantes estão a usar o nosso site. Por exemplo, estes cookies podem medir fatores como o tempo despendido no site ou as páginas visitadas, isto vai permitir entender como podemos melhorar o nosso site para os utilizadores. As informações coletadas por meio destes cookies de medição e desempenho não identificam nenhum visitante individual.