O conjunto de 117 prédios situados em Silveiras de Baixo e de Cima e no Salgueiro, na Serra da Lousã, que a ARCIL colocou à venda em agosto passado pelo preço base de 300 mil euros, recebeu apenas? uma proposta de compra, que agora vai ser apreciada em reunião da Assembleia Geral da entidade, convocada para o próximo dia 28.

Leia a notícia completa na edição impressa do Trevim N.º1418