“Chanfana”, Chanfana, Chanfana”! Os apelos ritmados da claque da candidatura da “Mesa das Terras da Chanfana” à final do Concurso “7 Maravilhas à Mesa” não deixavam margem para dúvidas. A convicção na vitória era grande e, de faixa ou colher de pau na mão, a claque – constituída na sua maioria por elementos da Companhia de Teatro Experimental de Poiares, foi insistindo até que o veredictofoi proclamado a pouco minutos antes do fim da primeira gala, na noite de 22 de julho, na aldeia alentejana de Reguengos de Monsaraz.

Com larga medida, conforme foi referido no final da transmissão televisiva em direto pela RTP 1, essa perseverança acabou por ser decisiva para levar as “Terras da Chanfana” à final, a realizar em Albufeira, a 16 de setembro.

Continua na edição impressa do Trevim nº 1384