Avançar para o conteúdo principal

Azulejos repostos na estação ferroviária

Os painéis de azulejos da estação ferroviária da Lousã estão a ser repostos depois de terem sido restaurados no âmbito de uma ação de conservação promovida pela Infraestruturas de Portugal (IP) naquele equipamento, no valor de cerca de 40 mil euros.

Segundo informou a IP em resposta a um pedido de informações do Trevim, esta intervenção, a cargo da empresa portuense RC3 – Restauros e Construção, Lda. em parceria com a Cinábrio – Conservação e Restauro, de Aveiro, desenrolou-se em duas fases. A primeira contemplou “limpezas, estabilizações e consolidações dos azulejos por técnicos da empresa” e a segunda “trabalhos de conservação e restauro, nomeadamente, remoção de azulejos em destacamento, limpeza de face nobre e tardos, colagens, consolidações, tratamento do suporte, preenchimentos, reintegrações cromáticas, dessalinização e assentamento”.

Como complemento à ação de conservação e restauro, “e de forma a valorizar, o edificado onde os azulejos se inserem”, a intervenção incluiu também trabalhos de substituição de elementos fraturados, limpeza da cobertura, pintura de fachadas e tratamento de cantarias.

De acordo com a IP, esta empreitada “inscreve-se na estratégia de salvaguarda e valorização do vasto património azulejar” a cargo da empresa, que tem vindo as desenvolver ações desta natureza, um pouco por todo o país, estando também planeadas intervenções nas estações de Faro, Olhão e São Mamede de Infesta.

Instalação do Metrobus

aguarda desfecho de processo judicial

Segundo comunicou a Infraestuturas de Portugal, “não há desenvolvimentos” quanto à empreitada para a instalação do sistema de autocarros elétricos (Metrobus) no antigo Ramal da Lousã – troço de Serpins a Alto de São João, que continua à espera da conclusão do processo judicial e posterior visto do Tribunal de Contas, na sequência da impugnação do concurso público.

Recorde-se que a empreitada foi adjudicada em outubro de 2019 ao consórcio de empresas Comsa /Fergrupo na sequência do concurso público lançado há mais de um ano, contudo o dono da obra, a IP, ainda não procedeu ao auto de consignação porque o concurso público foi impugnado por outro concorrente, continuando sem se saber quando é que vão começar a haver trabalhos no antigo ramal.

Tags: 1433 | Concelho | Estação
Autor: Soraia Santos

0 Comentários

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

    six + 20 =

Meteorologia

Artigos relacionados

Trevim: Leia também Centro de Dia da Misericórdia há um ano na antiga escola das Levegadas Concelho
26 Jan 2023 12:01 AM

Instalado na antiga escola primária das Levegadas, o Centro de Dia da Santa Casa da Misericórdia da Lousã (SCML) assinalou, no dia 12, o seu primeiro aniversário naquele local. A funcionar entre as 8:00 e as 18:00 nos dias úteis,...

Ler artigo
Trevim: Leia também Unidade de Cuidados Personalizados substitui USF Trevim-Sol Sem categoria
26 Jan 2023 12:01 AM

A Unidade de Saúde Familiar (USF) Trevim-Sol, que funcionava no Centro de Saúde da Lousã, foi substituída pela recém-criada Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados (UCSP), confirmou ao Trevim a Administração Regional de Saúde (ARS) do Centro. Leia a notícia...

Ler artigo
Trevim: Leia também Associação das Gândaras obrigada a procurar receita adicional Concelho
26 Jan 2023 12:01 AM

Entre 2017 e 2021, a Associação Recreativa Cultural e Social das Gândaras viu indeferidas quatro candidaturas ao programa de celebração e alargamento de acordos de cooperação do Instituto da Segurança Social (ISS). Leia a notícia completa na edição n.º 1501...

Ler artigo
Trevim: Leia também José Moreira e Pedro Martins nomeados para novas funções Concelho
26 Jan 2023 12:01 AM

José Fernandes Moreira assume as funções de Provedor Municipal das Pessoas com Incapacidade e Pedro Martins de Conselheiro Externo para a Igualdade de Género, por nomeação de Luís Antunes, presidente da Câmara Municipal da Lousã. Leia a notícia completa na...

Ler artigo
Trevim: Leia também “A minha vida mudou bastante. Sinto-me menos sozinha” Atualidade
26 Jan 2023 12:01 AM

Quando começou a ser acompanhada pela equipa do projeto Rede Cuidas, Palmira Lopes, de 73 anos, tinha uma fração da força que tem hoje. “Viram-me quase a morrer, mas estou aqui”, conta ao Trevim. Leia a notícia completa na edição...

Ler artigo
Trevim: Leia também ‘Ludobike’: a nova bicicleta itinerante de jogos tradicionais e de tabuleiro Sociedade
26 Jan 2023 12:01 AM

Entre jogos de macaca, tabuleiro, musicais, boccia, corridas de sacos e saltar à corda, miúdos e graúdos juntaram-se na Praça Sá Carneiro, no último domingo, dia 22, para a primeira edição do ‘Lousã a Jogar’. Leia a notícia completa na...

Ler artigo
Definições de Cookies

A TREVIM pode utilizar cookies para memorizar os seus dados de início de sessão, recolher estatísticas para otimizar a funcionalidade do site e para realizar ações de marketing com base nos seus interesses.

Estes cookies são essenciais para fornecer serviços disponíveis no nosso site e permitir que possa usar determinados recursos no nosso site.
Estes cookies são usados ​​para fornecer uma experiência mais personalizada no nosso site e para lembrar as escolhas que faz ao usar o nosso site.
Estes cookies são usados ​​para coletar informações para analisar o tráfego no nosso site e entender como é que os visitantes estão a usar o nosso site.

Cookies estritamente necessários Estes cookies são essenciais para fornecer serviços disponíveis no nosso site e permitir que possa usar determinados recursos no nosso site. Sem estes cookies, não podemos fornecer certos serviços no nosso site.

Cookies de funcionalidade Estes cookies são usados ​​para fornecer uma experiência mais personalizada no nosso site e para lembrar as escolhas que faz ao usar o nosso site. Por exemplo, podemos usar cookies de funcionalidade para se lembrar das suas preferências de idioma e/ ou os seus detalhes de login.

Cookies de medição e desempenho Estes cookies são usados ​​para coletar informações para analisar o tráfego no nosso site e entender como é que os visitantes estão a usar o nosso site. Por exemplo, estes cookies podem medir fatores como o tempo despendido no site ou as páginas visitadas, isto vai permitir entender como podemos melhorar o nosso site para os utilizadores. As informações coletadas por meio destes cookies de medição e desempenho não identificam nenhum visitante individual.