Avançar para o conteúdo principal

Operação florestal no Baldio das Hortas

Está em curso uma intervenção florestal no talhão 58 da Unidade de Baldio das Hortas com trabalhos de controlo da vegetação espontânea, podas e desramações, controlo de espécies invasoras lenhosas e adensamento de povoamento, a cargo dos Baldios da Lousã.

Esta operação, que abrange uma área de 34 hectares de um total de 35,26, resulta de uma candidatura à medida Melhoria da Resiliência e do Valor Ambiental das Florestas incluída no Programa de Desenvolvimento Rural (PDR) 2014-2020, e tem um custo de mais de 21 mil euros, valor financiado em cerca de 80% (18.393,25€) pelo PDR.

A área faz parte do baldio administrado em regime de associação com o Instituto da Conservação da Natureza e Florestas e a Assembleia de Compartes dos Baldios da Lousã, e é essencialmente constituída por povoamentos de pinheiro bravo, exemplares de carvalho e castanheiros. Ao nível nível do sub coberto arbustivo e subarbustivo encontra-se ocupada por matos (urze, tojos, giestas e silvas) e núcleos de espécies invasoras como a Acácia mimosa e Acácia austrália.

Segundo se lê na documentação do projeto, o objetivo principal “da área de intervenção é o recreio, enquadramento e estética da paisagem, dando especial atenção à valorização de espécies que se irão privilegiar e ao seu porte, e à minimização dos riscos para os utentes da Serra da Lousã”.

Conforme o Trevim verificou no terreno, que se caracteriza por ter um declive acentuado, atualmente estão a decorrer trabalhos de limpeza de matos bem como podas e desramações do povoamento de carvalho com vista ao “melhoramento da qualidade do lenho, evitando a formação de nós mortos e soltos que depreciam a maioria das utilizações do material lenhoso”.

Para a primavera, informou ao Trevim Rita Simões, engenheira florestal ao serviço dos Baldios da Lousã, está previsto o controlo das espécies invasoras, com o arranque de plântulas (indivíduos jovens), corte e pincelagem com glifosato (herbicida de amplo espectro) de acácias com diâmetro inferior a 7,5cm, e descasque de indivíduos com diâmetro superior. A fase final do projeto refere-se a ações de adensamento com carvalhos certificados em algumas zonas do talhão 58, “aproveitando também o que existe de regeneração natural quer da parte de pinheiro bravo quer da partes dos carvalhos e castanheiros”, explicou a responsável.

Pretende-se que a redução de carga combustível através do controlo da vegetação permita reduzir o nível de risco de incêndio florestal naquela que é uma área geográfica classificada de perigosidade Muito Elevada. Poe outro lado, o adensamento do povoamento com espécies autóctones como o carvalho, em algumas zonas que sofreram corte devido à proliferação do nemátodo da madeira do pinheiro (verme microscópico que causa a “doença da murchidão do pinheiro”), deverá promover a biodiversidade local e o desenvolvimento dos espaços florestais.

Tags: 1442 | Concelho
Autor: Soraia Santos

0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Meteorologia

Artigos relacionados

Trevim: Leia também Resultados negativos da APIN preocupam coligação PSD-CDS Concelho
16 Mai 2024 12:01 AM

A gestão e os resultados que a APIN tem apresentado “são deveras preocupantes”, afirmou Paula Sançana, eleita da coligação PSD-CDS (É Hora de Mudar), na reunião pública do executivo de 6 de maio, pedindo que a empresa preste esclarecimentos na...

Ler artigo
Trevim: Leia também Quinze milhões de euros para empresas de territórios de baixa densidade Concelho
16 Mai 2024 12:01 AM

O Programa Regional do Centro (Centro 2030) dispõe de 50 milhões de euros para apoiar investimentos em micro, pequenas e médias empresas da região Centro e que sejam exportadoras. Estão abertos dois avisos no âmbito do sistema de incentivos à...

Ler artigo
Trevim: Leia também Senhora da Piedade e Serpins continuam sem Bandeira Azul Concelho
16 Mai 2024 12:01 AM

Este ano, as praias fluviais da Senhora da Piedade, na Lousã, e da Senhora da Graça, em Serpins, voltam a não receber a Bandeira Azul, que vai ser hasteada apenas na Bogueira, em Casal de Ermio. A informação é da...

Ler artigo
Trevim: Leia também Obra no acesso a Foz de Arouce tem “extrema complexidade” Concelho
16 Mai 2024 12:01 AM

A intervenção no acesso a Foz de Arouce a partir da EN17, encerrado desde o dia 28 de março, “será de extrema complexidade”. Das quatro empresas que já visitaram o local, “nenhuma aceitou fazer a reparação”, informou Henrique Lourenço na...

Ler artigo
Trevim: Leia também Empresa e Exploratório de Coimbra divulgam ‘metrobus’ nas escolas Concelho
16 Mai 2024 12:01 AM

A Metro Mondego (MM) e o Exploratório - Centro Ciência Viva formaram uma parceria para divulgar e promover o transporte ‘metrobus’ nas escolas dos concelhos servidos pelo futuro sistema. A apresentação decorreu no dia 9, na estação do Corvo, Miranda...

Ler artigo
Trevim: Leia também Junta da Lousã e Vilarinho continua a apostar na limpeza urbana Concelho
16 Mai 2024 12:01 AM

A assembleia de freguesia da Lousã e Vilarinho aprovou, com maioria socialista e quatro abstenções da coligação ‘É Hora de Mudar’, os documentos de prestação de contas de 2023, bem como o regulamento de inventário e cadastro do património, numa...

Ler artigo
Definições de Cookies

A TREVIM pode utilizar cookies para memorizar os seus dados de início de sessão, recolher estatísticas para otimizar a funcionalidade do site e para realizar ações de marketing com base nos seus interesses.

Estes cookies são essenciais para fornecer serviços disponíveis no nosso site e permitir que possa usar determinados recursos no nosso site.
Estes cookies são usados ​​para fornecer uma experiência mais personalizada no nosso site e para lembrar as escolhas que faz ao usar o nosso site.
Estes cookies são usados ​​para coletar informações para analisar o tráfego no nosso site e entender como é que os visitantes estão a usar o nosso site.

Cookies estritamente necessários Estes cookies são essenciais para fornecer serviços disponíveis no nosso site e permitir que possa usar determinados recursos no nosso site. Sem estes cookies, não podemos fornecer certos serviços no nosso site.

Cookies de funcionalidade Estes cookies são usados ​​para fornecer uma experiência mais personalizada no nosso site e para lembrar as escolhas que faz ao usar o nosso site. Por exemplo, podemos usar cookies de funcionalidade para se lembrar das suas preferências de idioma e/ ou os seus detalhes de login.

Cookies de medição e desempenho Estes cookies são usados ​​para coletar informações para analisar o tráfego no nosso site e entender como é que os visitantes estão a usar o nosso site. Por exemplo, estes cookies podem medir fatores como o tempo despendido no site ou as páginas visitadas, isto vai permitir entender como podemos melhorar o nosso site para os utilizadores. As informações coletadas por meio destes cookies de medição e desempenho não identificam nenhum visitante individual.